A cura e a Bíblia

Onde foi parar o PODER para a CURA DO CORPO em nossos dias?

“E enviou-os a pregar o reino de Deus, e a curar os enfermos.” (Lucas 9:2)

Dentre os que procuram a cura em Cristo e fracassam, a maioria dos casos se deve à falta de conhecimento do que a Palavra afirma sobre a cura divina. E por não se conhecer o que as Escrituras afirmam sobre o assunto (tão claramente), onde o doente ou quem pede a cura de alguém colocará a sua fé?

“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (João 8:32)
“A fé vem pelo ouvir […] a palavra de Deus.” (Romanos 10:17)
“O meu povo está sendo destruído porque lhe falta o conhecicimento…” (Oséias 4:6a)

Eis alguns conceitos importantíssimos:

Apesar do esforço humano em contrário, até que Jesus volte, todos nós teremos que enfrentar um inimigo inevitável: a morte!

– O homem NÃO foi criado para morrer: “tudo fez formoso em seu tempo; também pôs na mente do homem a ideia da eternidade” (Eclesiastes 3:11).

– O pecado foi o responsável pela entrada da morte na trajetória humana: “assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porquanto todos pecaram” (Romanos 5:12).

– Com o intuito de produzir morte, o pecado trouxe consigo uma série de doenças e enfermidades que, conforme o desejo do diabo, também geram sofrimento.

O que é a doença?

É o agente da morte. A doença quer matar e sem ela, a morte seria adiada para a maioria das pessoas. O pecado trouxe a morte, e a doença é o agente gerador da morte.

Portanto, podemos concluir que:

– A doença entrou no mundo pelo pecado.
– Sem pecado, não haveria qualquer doença!
– A doença existe porque o pecado existe!

A doença é conseqüência do pecado original da raça humana, e NÃO da vontade de Deus!

“E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom” (Gênesis 1:31).

A CURA HOJE

Os milagres são para os dias de hoje tanto quanto foram para aquele tempo. O TEMPO DOS MILAGRES NÃO PASSOU! Há 5 razões básicas para crermos nisso:

1) DEUS é um Deus que cura e Ele nunca mudou!

“Eu sou o Senhor, que te sara.” (Êxodo 15:26)
“Eu, o Senhor, não mudo.” (Malaquias 3:6)

2) Jesus Cristo curou os enfermos e Ele nunca mudou!

“Jesus Cristo ontem e hoje é o mesmo, e o será para sempre.” (Hebreus 13:8)

“E percorria Jesus todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino e curando toda sorte de doenças e enfermidades.” (Mateus 9:35)

“E, percorrendo toda aquela região, traziam em leitos os enfermos, para onde ouviam que ele estava. Onde quer que ele entrasse nas aldeias, cidades e campos, punham os enfermos nas praças, rogando-lhe que os deixasse tocar ao menos na orla da sua veste; e quantos a tocavam, saíam curados.” (Marcos 6:55-56)

3) Jesus ordenou aos Seus DISCÍPULOS que curassem os enfermos; um verdadeiro discípulo de Cristo é o mesmo hoje, que era naquele tempo!

“Tendo chamado os seus doze discípulos, deu-lhes Jesus autoridade sobre espíritos imundos para os expelir e para curar toda sorte de doenças e enfermidades. A estes doze enviou Jesus, dando-lhes as seguintes instruções: …a medida que seguirdes, pregai que está próximo o reino de Deus. Curai enfermos, ressuscitai mortos, purificai leprosos, expeli demônios; de graça recebestes, de graça dai.” (Mateus 10:1,5,7,8)

“Depois disto, o Senhor designou outros setenta; e os enviou de dois em dois, para que o precedessem em cada cidade e lugar aonde ele estava para ir. Quando entrardes numa cidade e ali vos receberem, comei do que vos for oferecido. Curai os enfermos que nela houver e anunciai-lhes: a vocês está próximo o reino de Deus. (Lucas 10:1,8,9)

“Se vós permanecerdes em minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos.” (João 8:31)

“E pela fé em seu nome fez o seu nome fortalecer a este homem que vedes e conheceis; sim, a fé, que vem por Ele, deu a este, na presença de todos vós, esta perfeita saúde” (Atos 3:16).

4) Os milagres de cura eram por toda parte manifestos no ministério da IGREJA PRIMITIVA, e a verdadeira Igreja nunca mudou. O livro de Atos dos Apóstolos relata o nascimento e o crescimento da Igreja verdadeira e este é o exemplo e o modelo para a Igreja até o fim!

“Muitos sinais e prodígios eram feitos entre o povo pelas mãos dos apóstolos.” (Atos 5:12a)

“Estevão, cheio de graça e poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo.” (Atos 6:8)

“As multidões atendiam, unânimes, às coisas que Felipe dizia, ouvindo-as e vendo os sinais que ele operava. Os espíritos imundos de muitos possessos saíam gritando em alta voz; e muitos paralíticos e coxos foram curados. E foi grande a alegria naquela cidade.”(Atos 8:6-8)

“Disse-lhe Pedro: Enéias, Jesus Cristo te cura! Levanta-te e arruma o teu leito. Ele, imediatamente, se levantou.” (Atos 9:34)

“Pedro, porém, lhe disse: Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho, isso eu te dou: em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta  e anda! E, tomando-o pela mão direita, o levantou; imediatamente, os  seus pés e tornozelos se firmaram;” (Atos 3:6-7)

“Entretanto, demoraram-se ali muito tempo, falando ousadamente no Senhor, o qual confirmava a palavra da sua graça, concedendo que, por mãos deles, se fizessem sinais e prodígios.” (Atos 14:3)

“Esse homem ouviu Paulo falar, que, fixando nele os olhos e vendo que possuía fé para ser curado, disse-lhe em alta voz: Apruma-te direito sobre teus pés! Ele deu um salto e começou a andar.” (Atos 14:9-10)

“E Deus, pelas mãos de Paulo, fazia milagres extraordinários, a ponto de levarem aos enfermos lenços e aventais do seu uso pessoal, diante dos quais as enfermidades fugiam das suas vítimas, e os espíritos malignos se retiravam.” (Atos 19:11-12)

“Como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação? A qual, tendo sido anunciada inicialmente pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram; dando Deus testemunho juntamente com eles, por sinais, prodígios e vários milagres e por distribuições do Espírito Santo, segundo a sua vontade.” (Hebreus 2:3-4)

5) Jesus mandou que TODOS OS QUE CREREM, em todas as épocas e nações, imponham as mãos sobre os doentes e curem a todos os enfermos; essa ordem não mudou com o passar do tempo!

“Indo ao mundo inteiro, proclamem o evangelho a toda criatura. Estes sinais hão de acompanhar aqueles que crêem: em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre enfermos, eles ficarão curados.” (Marcos 16:15,17,18)

“Aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço e outras maiores fará, porque eu vou para junto do Pai.” (João 14:12)

“Se me pedirdes alguma coisa em meu nome eu o farei.” (João 14:14)

A PALAVRA
A PROMESSA DE CURAR, FEITA POR DEUS NAS ESCRITURAS, FOI PARA VOCÊ, PESSOALMENTE!

Não se pode separar Deus da Sua Palavra! Ele  não  somente está nela, como parte dela, mas é  a  sua  espinha dorsal e vigia continuamente sobre ela, para confirmá-la, para  fazer com  que  TODAS  as  promessas  que  fez  se cumpram!

“Porque para Deus nada é impossível.” (Lucas 1:37)
“Eu sou o Senhor, que te sara.” (Êxodo 15:26)
“Por suas chagas vós fostes sarados.” (I Pedro 2:24)
“…porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir.”(Jeremias 1:12)

As promessas contidas na Bíblia são de Deus falando  pessoalmente com você. Elas são tão suas quanto um cheque preenchido em seu nome. Você pode descontar esse cheque no banco de Deus, porque é seu, e requerê-las, pela oração da fé.

“Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.” (João 14:14)
“Está alguém entre vós doente?… O Senhor o levantará.” (Tiago 5:14-15)

Se a Palavra de Deus afirma que Jesus, ao morrer, levou sobre si mesmo as nossas doenças e enfermidades, devemos crer que isso aconteceu, de fato, ou estaremos chamando Deus de mentiroso! Veja a profecia e seu cumprimento:

“Verdadeiramente Ele tomou sobre Si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre Si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas Ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas Suas pisaduras fomos sarados” (Isaías 53:4,5).

“E, chegada a tarde, troxeram-lhe muitos endemoninhados, e ele, com a sua palavra, expulsou deles os espíritos e curou todos os que estavam enfermos, para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías, que diz: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades e levou as nossas doenças.” (Mateus 8:16-17)

O MATADOR
DEUS QUER QUE VOCÊ ESTEJA BEM. SOMENTE SATANÁS QUER QUE VOCÊ MORRA!

A FÉ DE MUITOS que procuram a cura em Cristo está impedida pela ideia de que Deus pode ter algum objetivo na sua enfermidade; que a sua doença talvez lhes tenha sido dada por Deus e que devem ter paciência e não insistir na cura. Milhares de pessoas sofrem desnecessariamente durante anos e morrem prematuramente por causa desse ENGANO!

Para limpar nossa mente desses ensinos terríveis, precisamos entender, de modo claro, que a doença é de Satanás e não de Deus; que foi Satanás que no-las deu, e não Deus!

“E veio ali uma mulher possessa de um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; andava ela encurvada, sem de modo algum poder endireitar-se. Vendo-a Jesus, chamou-a e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade. O chefe da sinagoga, indignado de ver que Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que se deve trabalhar; vinde, pois, nesses dias para serdes curados e não no sábado. Disse-lhe, porém, o Senhor: Hipócritas… Por que motivo não se devia livrar deste cativeiro, em dia de sábado, esta filha de Abraão, a quem satanás trazia presa há dezoito anos?” (Lucas 14:11,12,16)

No caso de Jó, a doença foi dada diretamente por Satanás:

“Então, saiu satanás da presença do Senhor e feriu a Jó de uma chaga  maligna, desde a planta do pé ao alto da cabeça.” (Jó 2:7)

Aqui, a cegueira e a mudez foram causadas por um demônio que, quando expulso por Jesus, permitiu ao homem falar e ver:

“Então, lhe trouxeram um endemoninhado, cego e mudo; e ele o curou,  passando o mudo a falar e ver.” (Mateus 12:22)

Um menino sofria de convulsões, era surdo e mudo, e ficou completamente são, quando o demônio foi expulso:

“Jesus repreendeu o espírito imundo, dizendo-lhe: espírito mudo e surdo, eu te ordeno: sai deste jovem e nunca mais torne a ele.”  (Marcos 9:25)

Essa passagem é ignorada por muitos:

“Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o espírito santo e com poder, o qual andou por toda parte, fazendo o bem e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele.” (Atos 10:38)

Podemos dizer que a doença tem vida?

“Toda doença tem vida — um germe. Esse germe é de satanás, porque destrói. É o que Jesus chamou de espírito de enfermidade. Esse germe faz a doença desenvolver-se exatamente como o germe da vida, quando somos gerados, nos faz crescer, e tornamo-nos corpo humano. Quando o “germe” da vida deixa o nosso corpo, ele morre, se depaupera e volta ao pó. Do mesmo modo, quando o espírito(ou germe) de uma doença sai, a doença se degrada, morre e desaparece. Nós temos poder sobre o espírito do diabo que nos traz a doença, porque Jesus disse: Em meu nome expulsarão demônios. Em Seu Nome temos absoluta autoridade para ordenar que a vida da moléstia saia, e “ela” tem de nos obedecer. Quando ela sai, então a doença morre e os seus efeitos desaparecem. Por exemplo, um câncer tem vida em si; essa vida é do diabo, porque destrói e mata. Enquanto essa vida estiver ali, o câncer continuará a sua obra de destruição, mas quando ordenamos que a vida do câncer saia, em Nome de Jesus, ela tem de ir; então o câncer definha, morre  e desaparece, e o doente se restabelece.” (Evangelista Willian Branham – Ele foi dos mais importantes evangelistas do séc. XX. Iniciou seu ministério de cura e evangelismo em 1946, na cidade de Camden, Arkansas e conseguiu em pouco tempo avivar o movimento evangélico nos EUA. Foi um avivamento sem precedentes na história do cristianismo moderno.)

Enquanto você pensar que a sua doença pode provir de Deus, você não a repreenderá.

Enquanto você achar que Deus pode ter um propósito na sua moléstia, você não a resistirá. Mas quando você entender que as Escrituras ensinam de modo tão claro que a enfermidade é de Satanás, você então a resistirá, a repreenderá, a recusará e ela será destruída mediante as suas orações.

Os médicos podem chamar de “artrite” ou de “reumatismo”, a moléstia que tira a mobilidade das juntas, mas a causa real é um espírito aprisionador do diabo.

O termo médico próprio para a surdez pode ser “nervos auditivos mortos”, mas o problema real é um espírito de surdez.

O especialista pode dizer que o “glaucoma” ou “cataratas” são a causa da cegueira de uma pessoa, mas Jesus o chamou de demônio da cegueira.

E OS SINTOMAS?

Para se matar uma árvore, basta cortar um sulco profundo ao redor do seu tronco e, embora as folhas não murchem imediatamente, é certo que foi dada à árvore um golpe mortal e que ela morrerá. A mesma coisa se dá com a doença: Jesus nos deu poder e autoridade sobre todas as enfermidades. Recebemos, portanto, autoridade sobre satanás e a doença, e não sobre Jesus! Os crentes têm, no Seu Nome, o direito de repreendê-las, e elas morrem. Talvez os sintomas, como as folhas da árvore, não desapareçam imediatamente, mas se orarmos com fé e repreendermos a vida da doença, sabemos que a moléstia foi destruída pela raiz e que os sintomas têm de desaparecer.

“Qualquer que disser a este monte: “ergue-te e lança-te no mar”, e não duvidar em seu coração, mas crer que acontecerá  aquilo que disse, tudo o que disser, acontecerá. Por isso  vos digo que tudo o que você pedir em  oração, se crer que receberá, você terá.” (Marcos 11:24)

Lemos em Marcos 11:12-14 que Jesus amaldiçou uma figueira que não produzia frutos. Ele disse à árvore: Nunca mais coma alguém fruto de ti. Ele sabia que a vida da árvore havia morrido naquele momento e que a árvore haveria de murchar. Lemos nos versículos 20-24 que, no dia seguinte, eles passaram por ali novamente e viram que a figueira havia secado desde as raízes. Pedro lembrou-se imediatamente do que o Senhor havia dito à árvore no dia anterior e exclamou com espanto: Mestre, eis que a figueira que tu amaldiçoaste se secou. Ele ficou surpreso. Jesus respondeu: Tende fé em Deus.

Jesus estava certo de que a árvore se secaria. Se tivermos uma compreensão clara da obra de satanás, na doença, que ele a causou, que um “espírito de enfermidade” é a vida da moléstia, então poderemos repreendê-la calmamente, em Nome de Jesus, ordenando que o “espírito de enfermidade” saia, e podemos ter a certeza de que a doença está, então, morta. Não duvidamos porque não vemos as folhas verdes (os sintomas) murcharem imediatamente; sabemos que a vida da doença se foi, que a enfermidade está morta desde as raízes, e assim nos regozijamos pela fé, enquanto os sintomas exteriores desaparecem.

A ORAÇÃO
PEÇA QUE DEUS O CURE SEGUNDO AS SUAS PROMESSAS E CREIA QUE ELE OUVE SUA ORAÇÃO!

ORAR COM FÉ não significa suplicar e clamar pela cura! Lembre-se de que, se você é um filho de Deus e Ele é o seu Pai, você não é um pedinte. Se Ele prometeu curá-lo, Ele quer fazê-lo. É o Seu prazer vê-lo feliz e forte, exatamente como qualquer pai que deseja o melhor para os seus filhos!

“Como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.” (Salmos 103:13)

“Se vós estiverdes em mim, e minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.” (João 15:7)

“Pedi, e dar-se-vos-á;… Porque aquele que pede, recebe.”(Mateus 7:7,8)

“Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.” (João 14:14)

“Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos, atentos às suas orações…” (I Pedro 3:12)

“E esta é a confiança que temos nele: que, se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve. E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as petições que lhe fizemos.” (I João 5:14-15)

A SALVAÇÃO INTEGRAL
ASSIM COMO NÃO PODEMOS SEPARAR DEUS (AQUELE QUE CURA E SALVA) DE JESUS (O AGENTE QUE CURA E SALVA), NÃO PODEMOS SEPARAR CURA DE SALVAÇÃO!

Qual a diferença entre SALVAÇÃO e CURA?
“…e não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava e, fazendo uma abertura, baixaram o leito em que jazia o paralítico. E Jesus, vendo-lhes a fé, disse ao paralítico: Filho, perdoados são os teus pecados…! Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Perdoados são os teus pecados; ou dizer: Levanta-te, toma o teu leito, e anda? Ora, para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra autoridade para perdoar pecados, disse: a ti te digo, levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.” (Marcos 2:4,5,9-11)

Se Jesus dissesse àquele homem que seus pecados haviam sido perdoados, ou se dissesse para tomar o seu leito e andar, tanto os pecados quanto a paralisia das pernas teriam de deixá-lo, pois o remédio para ambos foi providenciado na mesma expiação!

A palavra grega “sozo”, traduzida por salvos, em Efésios 2:8 “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus” é a mesma palavra usada no discurso de Pedro, em Atos 4:9 “se hoje somos interrogados a respeito do benefício feito a um enfermo, e em que nome foi ele curado,…”. Cada uma das palavras encontradas nas seguintes passagens bíblicas são traduzidas do mesmo verbo “sozo”:

Marcos 5:23 – “…e lhe rogava com instância, dizendo: Minha filhinha está nas últimas; rogo-te que venhas e lhe imponhas as mãos para que sare e viva.”

Marcos 16:16 – “Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.”

Lucas 8:36 – “Os que o haviam visto, contaram-lhes de que modo se realizara a cura do endemoninhado.”

Atos 2:21 – “E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.”

Atos 14:9 – “Ele ouvia falar Paulo, e este, fitando nele os olhos e vendo que tinha fé de que seria curado.”

Lucas 18:42 – “E Jesus lhe disse: Vê; a tua fé te salvou.”

Tiago 5:15 – “A oração da fé salvará o doente, e o Senhor o restabelecerá; e se tiver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados.”

Marcos 5:28 – “porque dizia: Se eu tocar somente as suas vestes, ficarei curada.”

Marcos 5:34 – “E ele lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai em paz, e sê curada deste teu mal.”

Se o termo grego “sozo” é usado tanto para CURA quanto para SALVAÇÃO como vimos, então, as afirmações abaixo estariam corretas, certo?

“Talvez não seja a vontade de Deus salvá-lo;”
“Talvez seu pecado seja para a glória de Deus;”
“Talvez Deus esteja usando seu pecado para castigá-lo;”
“Tenha paciência em seu pecado até que Deus queira salvá-lo;”
“Já passou o tempo de conversões (milagres).”

Contudo, esses são quase os únicos pontos que muitos enfermos consideram, quanto à cura! É fácil compreender por que muitas pessoas não são curadas, atualmente!

Considerações bíblicas fundamentais:

1) “Assim como Moisés levantou a serpente no deserto, assim (com o mesmo propósito) importa que o Filho do homem seja levantado.” (João 3:14; Números 21:4-9).

2) “Acontecerá que viverá todo mordido que olhar para ela.” (Números 21.8b) Essa promessa foi para todos, sem exceção. (João 3.15)

3) A tipificação do calvário (a serpente levantada), não poderia significar mais para os israelitas daquele tempo, do que o próprio calvário significa para nós, hoje.

4) Em II Coríntios 4:10, temos a promessa de que a vida de Jesus está em nossos corpos: “Trazendo sempre por toda a parte a mortificação do Senhor Jesus no nosso corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também em nosso corpo;”

5) Em 1 João 3:8b está escrito: “O Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo”. A enfermidade é parte das obras de Satanás. Cristo, em seu ministério terreno, sempre tratou o pecado, a doença e os demônios da mesma maneira. Eram todos detestáveis a Seus olhos. Ele repreendia a todos. Ele se manifestou para destruir todos eles. “Não sabeis vós que os vossos corpos são membros de Cristo?” (I coríntios 6:15)

6) Em Mateus 10:1, Marcos 16:17 e Lucas 10:19, toda a autoridade e o poder sobre os demônios e doenças foram concedidas a todo discípulo de Cristo. Jesus disse: “Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente, sereis meus discípulos.” (João 8.31).

Então, estes versículos se aplicam a você hoje, isto é, se você continuar em Sua Palavra.

7) Jesus disse em João 10.10: “O ladrão (falando de Satanás) não vem senão para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham com abundância.” A obra de Satanás é matar. A obra de Cristo é dar vida!

8) Se a enfermidade fosse da vontade de Deus, então, os médicos, enfermeiras e hospitais seriam simbolos da desobediência e rebelião contra Deus!

9) Não podemos glorificar a Deus em nosso espírito permanecendo em pecado, assim como não podemos glorificá-lo permanecendo doentes!

10) Se a doença é para a glória de Deus, então deveríamos preferir ficar doentes, e não saudáveis; além do quê, Jesus teria roubado de seu Pai toda a glória, ao curar a TODOS! (Lucas 4:40)

11) Se em I Coríntios 6:20, Paulo nos diz: “Porque fostes comprados por preço, portanto glorificai a Deus no vosso corpo.”, será que, REALMENTE, glorificamos a Deus na enfermidade?

12) E será que o preço pago por Jesus, no texto acima, foi suficiente para comprar corpos sãos?
Para finalizar, pergunta-se:

SE A VONTADE DE DEUS É SEMPRE CURAR, COMO, ENTÃO, AS PESSOAS MORRERIAM?

Eis a resposta:
Para chegarmos à plenitude de nossa idade e para que Deus tire o nosso fôlego, não é necessária a ajuda de um câncer ou de qualquer outra doença. A vontade de Deus para a morte de seus filhos é que, depois de terem vivido uma vida frutífera e cumprido o número de seus dias, simplesmente parem de respirar e durmam em Cristo, despertando na ressurreição.

“Se lhes tiras a respiração, morrem e voltam ao próprio pó.” (Salmos 104.29b)

O que a Bíblia diz sobre essa questão?

“Na velhice virás à sepultura, como se recolhe o feixe de trigo a seu tempo.” (Jó 5.26)

“Servireis a Jeová vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e do meio de vós afastarei as enfermidades. Na tua terra não haverá mulher que aborte, nem estéril; completarei o número dos teus dias.” (Êxodo 23.25,26)

“Pois que se uniu a mim, eu o livrarei; e o protegerei, pois conhece o meu nome. Quando me invocar, eu o atenderei; na tribulação estarei com ele. Hei de livrá-lo e o cobrirei de glória. Será favorecido de longos dias, e mostrar-lhe-ei a minha salvação.” (Salmos 91.14-16)

“Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.” (Salmos 91:10)

Aleluia!

Quem tem ouvidos para ouvir, OUÇA!

Artigos relacionados: clique aqui

OSBORN, T.L. “A cura de Cristo. Como Recebê-la?”.

24 Comments

  1. SUZANA DANTAS ROCHA

    Meu filho tem apenas 4 anos e nasceu muito saudável, graças a Deus!! Ano passado ele foi diagnosticado com renite alérgica e só que tem sabe como é chato conviver com essa alergia. Há algum tempo eu venho conversando com Deus e pedindo a ele a cura do meu filho pois ele nasceu saudável e eu não aceitei essa doença na vida dele. Ontem à noite foi maravilhoso o que Deus fez. Quando meu filho dormiu eu entrei em oração com Deus e comecei a determinar que ele estava curado pelo poder do espírito Santo de Deus. Que só Deus tinha poder para curar uma doença crônica. E para a honra e Glória de Deus. Ele dormiu e não apresentou nenhum sinal de alergia, o que não acontece durante à noite. Deus seja louvado em toda a terra, amém!!!!

  2. Ismael

    Olá Cris sinto um desejo muito grande de fazer a obra de cura e de milagres mas sei que sou bloqueado por discussão com minha esposa não consigo mim controlar sei que preciso muito de conhecimento da palavra de Deus achei se blog muito importante onde eu gostaria de mim encaixar mas tenho muitas dificuldades eu viu que o senhor te muita sabedoria gostaria que você mim ajudasse

  3. Ismael

    Adorei seu blog gostaria de aprender mais contigo

  4. Legal este post. Vou compartilhá-lo!

  5. katia

    Maravilhoso!
    Texto espiritual e ainda racional.

  6. Eliane

    Nossa! Fazendo uma busca encontrei esse texto incrível. Creio q vc foi usada por Deus para me ajudar.

  7. Elias

    Profundo de mais. Deparar-me com ensinamentos de T.L. Osborn foi revigorador. Entrei no google depois de uma conversa com a minha esposa, e colocamos “como ser curado da Ira?”. A busca nos direcionou a este blog. Existe cura para uma pessoa iracunda? A ira me tira a alegria de viver, pois as vezes sinto que ela me impede de aproximar-me mais de Deus. Sou muito impaciente e iro-me com muita facilidade. Tenho orado a Deus para me curar dessa doença, e peço desde os meus 15 anos. Tenho 36 agora, e sinto que é um dos motivos pelo qual não consigo servir a Deus com fluides. Também tenho problemas com luxúria, ou seja, sou sexualmente muito sensível, gosto muito de mulheres, e penso que esse “defeito” se assim posso chamar, ou a tendência à POLI-GAMIA me deixa muito triste. Mesmo não tendo casos extraconjugais nem estando a trair a minha esposa (hoje) eu tenho a sensação de carregar o “germe” da poligamia (se existe), e quero ser curado dessas duas doenças: A IRA E O DESEJO SEXUAL DESORDENADO. Sou muito infeliz por conta disto. O último “germe” que enferma o meu corpo é o da DEPRESSÃO (provocada por constantes lutas mal sucedidas na carreira profissional, ministerial e empresarial). A psicóloga disse tratar-se de um BURNOUT. Bom, de qualquer forma, fui revigorado pelo artigo e voltarei a lutar, a orar com fé para ser liberto e curado destes males.

    • Evangelho Perdido

      Olá, Elias!

      Sua ira provavelmente tem uma origem. Já aconselhei muitas pessoas com o mesmo problema que você e, geralmente, a origem do problema é a falta de perdão. Como foi a relação com seu pai, mãe, irmãos, avós, etc? Você sente um grande rancor, mágoa em relação a alguém?

      O que é perdoar, Elias? Definitivamente não é esquecer o que te fizeram, mas é declarar, com todas as letras, diante do seu Pai Eterno, que entrega a pessoa aos cuidados Dele. Perdoar é, simbolicamente, quebrar a corrente que está atada em seu pescoço ligada ao braço de quem lhe ofendeu. Peça ao Pai, em nome de Jesus, para que Ele quebre essa corrente. E você ficará surpreso como passará a ser muito mais leve em seu coração a mágoa. Ao ponto de vc não sentir mais dor quando pensa na questão. Perdoar é isso. Sua parte é declarar que não quer mais essa corrente e entregar a vida da pessoa aos cuidados de quem tem como lidar com seu ofensor.

      Aquieta seu coração, em nome do poderoso Jesus, a quem você entregou o coração. As coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo no momento que você se rendeu a Cristo. Agora você PERTENCE a Cristo e nenhuma condenação está sobre sua vida. Satanás e seus demônios são mentirosos e querem tirar a sua paz e alegria, por isso querem te prender nesse redomoinho de ira.

      Agora, tem uma coisa importante que, geralmente, as igrejas evangélicas não orientam as pessoas que se rendem a Cristo. E o que é? A Palavra fala, claramente, que “se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.” (1 João 1:9)… Acontece que é necessário essa CONFISSÃO DE PECADOS diante do Pai Eterno, no nome de Jesus. A maioria ora apenas assim: “Senhor, perdoa os meus pecados.”…. mas o importante é sermos sempre específicos.. “Senhor, me perdoa por um dia ter feito isso, por ter feito aquilo.. cancela isso e aquilo no mundo espíritual, em nome de Jesus”…

      Se você um dia abriu portas e fez consagrações com demônios é necessário cancelar isso no mundo espiritual. Portanto, apenas a CONFISSÃO específica cancelará cada contrato e consagração feita com as trevas, entende? Senão, a legalidade no mundo espiritual permanece. Existem leis espirituais que Deus não quebra.. E Ele determinou que a CONFISSÃO cancela as obras das trevas que nos envolvemos.. Ele determinou que a confissão cancela nossos pecados diários.. E muitos, por não se atentar para isso, vivem uma vida onde demônios influenciam e controlam, mesmo depois de entregar o coração para Jesus, pois não confessam pecados habitualmente.

      Portanto, Elias, além de perdoar, sempre ore diante de nosso Pai pedindo perdão por cada pecado… Simples assim. Dessa forma você estará livre e limpo para viver sua vida na presença do nosso Criador. O Rei Davi conhecia bem o PODER da confissão de pecados. Veja o texto abaixo:

      “Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano. Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia. Porque de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; o meu humor se tornou em sequidão de estio. Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. Por isso, todo aquele que é santo orará a ti, a tempo de te poder achar; até no transbordar de muitas águas, estas não lhe chegarão.” (Salmos 32:1-6)

      Será sempre muito bem-vindo neste blog, tá bem?

      Um abraço carinhoso.
      Cris

      • Elias

        Olá. Se morasses na minha cidade eu diria que conhece a minha vida, ou alguém falou-lhe a meu respeito. É profundo, incisivo de mais, parece conhecer profundamente a minha vida. Olha neste exato momento em que falo carrego sim muita mágoa, rancor e amargura, tristeza pelas pessoas da minha família, líderes religiosos e pessoas em geral. Olha, eu as vezes até penso que perdoei, mas na verdade tem sido um reservatório de feridas. O meu relacionamento com meu pai desde a infância é ruim, foi um pai muito ausente, sempre preocupado com a igreja e eu cresci sem afeto. Minha mãe me violentou muito fisicamente, apanhei até sangrar, até feridas carregar. As minhas primas batiam muito em mim, enfim. Eu só nunca percebi porquê mesmo sendo crente em Jesus carrego tanta mágoa. De lá para frente venho, realmente, acumulando episódios de decepções, quebras de relacionamentos interpessoais, etc. Enfim, é muita coisa… Vou começar a seguir seus conselhos a fim de alcançar cura e restauração. Muito obrigado mais uma vez.

  8. patrick

    Cris minha mãe esta com cancer no pulmao e no cranio ,estou passando o pior momento da minha vida ,eu creio na cura da minha mãe ,peço a vc oracoes pela cura de minha mãe .

  9. Jonas Molina

    Artigo muito bom. Ele cumpre bem o papel de ‘santificar o nome de Deus’ (Mat. 6:9), como Jesus ensinou que orassemos, pois, de fato, as pessoas hoje acreditam mesmo que Deus seja o causador das doenças, dos males do mundo e que as curas cessaram.

    Mas o que não compreendi foi o trecho “Enquanto você achar que Deus pode ter um propósito na sua moléstia, você não a resistirá”. Deus pode não causar a doença, mas não ter propósito com ela não seria contraditório à Sua Palavra?

    João 9:1-3 | “Enquanto ele ia passando, viu um homem que era cego de nascença. Então seus discípulos lhe perguntaram: “Rabi, quem pecou, este homem ou os seus pais, para ele ter nascido cego?” Jesus respondeu: “Nem este homem pecou, nem os seus pais, mas é para que se mostrem as obras de Deus no caso dele.”

  10. oi gente
    gostei muito desse site, parabéns pelo trabalho. 😉

  11. marli santos

    Nossa!!!!! muito bom, me enchi do espirito santo ao ler estas palavras…me sinto alimentada por Deus, estou regozijante e sempre poderei estar lendo de novo estas palavras…parabens pra quem escreveu e muito obrigada.

  12. LUANA ALMEIDA

    Sou evangélica ouvinte e praticante da palavra. Mas há dois meses perdi minha sobrinha de 13 anos por causa de um câncer. Uma menina amável e obediente, ela cria tanto que seria curada que faleceu orando pedindo a Deus a Jesus que a curasse pois havíamos ensinado a ele que só Ele poderia cura-la.
    Mas mesmo tantos crendo e orando clamando e ordenando que esse mal saísse isso não aconteceu. Porque o milagre não aconteceu

  13. luiz claudio de paula santos

    Verdadeiramente a Palavra se cumpre ( ….e ESTE evangelho do reino será pregado….). Mateus 24.15

  14. Roberto júnior

    Boa tarde, Cris! ….Fui convertido anos há trás …..e acabei me afastando ….tive há alguns meses um problema sério em minha audição, no qual me acarretou uma lesão que, pela medicina, não tem mais cura. Fiquei com um sintoma de zumbido que me tira a alegria de viver. Desde então voltei a buscar a Deus, pois só ele pode fazer algo por mim. Só que tenho buscado a Deus e não tenho obtido resposta e tenho presentido que minhas orações parecem não chegar até o Pai. Isso tem me deixado muito entristecido ….pois, além de não conseguir a cura, ainda me sinto rejeitado por Deus. Não consigo ouvir sua voz e é como se Deus estivesse bravo comigo.

    Isso sim, dói e me sinto frustrado, pois não consigo mais sentir a presença de Deus …..Tenho orado bastante, ido a igreja, mas não sinto mais aquela presença gostosa do Espírito Santo e isso me entristece….. E está me deixando desanimado com igreja!

    • Evangelho Perdido

      Caro irmão Roberto!
      Lembra dos dias que sentiu a presença do Espírito de Cristo falando a seu coração? Lembra da sensação gostosa que é essa intimidade com Ele? Olha pra mim… Acredita mesmo que um Deus que enviou seu próprio Filho para morrer POR VOCÊ está zangado contigo ou está te maltratando por você não ser curado nesse segundo? Será que ele não vai curá-lo dessa enfermidade já que NÃO foi ele que a colocou em sua vida?

      Roberto, esse é o MAIOR E MAIS PRECIOSO tempo de sua vida. Em nenhum outro tempo você foi tão provado em sua fé. E sabe para quê existem as PROVAS? Para sermos aprovados e nada mais. Nunca é para o nosso mal. Deus conhece seu coração duvidoso. Você têm crido conforme as circunstâncias. “Se ele ainda não me curou não consigo mais andar com Ele.” Deus conhece nossos corações e conhece tão profundamente o seu que vai torná-lo muito mais forte quando você começar a LOUVÁ-LO mesmo com o ouvido ainda zumbindo. Aí, quando o zumbido desaparecer, não fará a menor diferença pra você, pois você CONFIA e AMA em seu Senhor e no jeito dele fazer as coisas.

      A doença não vem da parte de Deus para ninguém. Você foi alcançado por uma enfermidade, mas essa enfermidade foi levada na Cruz pelo nosso Messias. Você crê, de todo seu coração, sem mente dividida, sem ânimo dobre, que Ele levou o zumbido de seu ouvido naquela cruz? Você pode continuar andando com ele e amando a sua presença e comunhão mesmo antes do zumbido sumir? São essas perguntas que você precisa responder de todo seu coração… E com isso, crescerá na fé e na comunhão com o seu Senhor, pois VERÁ A GLÓRIA DE DEUS.

      Olha pra mim.. Se o irmão é um servo fiel, não desanime por causa das condições atuais em que se encontra. A fé é que moverá essa montanha que é o problema de sua audição, não outra coisa. Comece a adorar em meio ao zumbido, Roberto. E depois, que o zumbido sumir, CONTINUE ADORANDO O SEU DEUS.

      “Ora, sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.” (Hebreus 11:6)

      “..o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. Não pense tal homem que receberá do Senhor alguma coisa. O homem de coração dobre é inconstante em todos os seus caminhos.” (Tiago 1:6-8)

      Santifique seu coração. Confesse e arrependa-se de seus pecados. Peça perdão ao Pai pelo seu desânimo e falta de fé. Mude seu coração. Renove sua alegria, sua aliança. NÃO FOQUE SEU PROBLEMA, mas o Senhor que o salvou e ama você de todo coração.

      “Disse Josué também ao povo: Santifiquem-se, porque amanhã o Senhor fará maravilhas no meio de vocês.” (Josué 3:5)

      Volte a comentar nesse blog. Quero saber como está indo. Quero notícias de sua cura. CRÊ SOMENTE!

      Um abraço carinhoso.

      • Roberto júnior

        Boa tarde Cris , quero dizer que hoje ,apenas hoje …..meditando e procurando minhas duvidas , encontrei seu blog novamente e justamente numa hora em que precisava de uma resposta de Deus.

        Olha, nesse momento, a minutos atrás, eu estava orando e entregando minha consagração ao senhor e pedido uma resposta de porque tudo isso na minha vida e acabei encontrando seu blog. Isso foi direção de Deus. Cris, com toda a certeza de minha vida posso afirmar que nunca tive uma vida tão dependente do Senhor como ando tendo por causa desse meu problema. Nem quando me converti tive tanta dependência como hoje.

        Eu conheci a esse Deus anos atrás e lembro que era muito gostoso estar e poder sentir sua presença. Eu o sentia claramente, algo inexplicável…. Mas com o tempo, fui me esfriando e comecei a trabalhar numa empresa que eu não tinha mais tempo para servir a Deus na igreja. Fui obreiro na casa do Senhor e cuidava da sonoplastia. Eu amava fazer isso. Mas, fui me esfriando, esfriando e, sem perceber, já estava fora dos caminhos do Senhor. Não conseguia voltar mais.

        O tempo foi passando e retornei. Mas voltei sem compromisso. Só ia a igreja por ir, como se fosse uma obrigação, algo monótono. Estava acomodado. Em alguns cultos até que sentia algum mover, mas não era a mesma coisa de antes. O primeiro amor já não era mais o mesmo e comecei com uma vida cristã cheia de altos e baixos.

        Cris, posso afirmar que seu comentário falou fortemente comigo e me mostrou a pura realidade de que acontece em minha vida. Se eu não estivesse passando por essa luta, jamais eu estaria orando e me achegando a Deus como estou, pois eu conheço meu coração. Quando está tudo bem na vida, é mais fácil esquecer de Deus e acharmos que somos auto-suficientes. Só lembrei do Senhor de novo depois que tudo isso aconteceu.

        Confesso que tenho sido (dobre), tenho buscado a Deus pela circunstância do meu problema, tenho querido permutar com Deus, tenho querido das mãos dele, mas talvez não comprometimento com Ele. Minha ansiedade pela cura é tanta que parece ser obrigação Dele me curar do jeito que eu quero e no tempo que eu quero. Acredito plenamente que ele pode me curar, mas tenho medo disso não acontecer porque não tenho sua resposta.

        A partir de hoje vou começar a agir diferente. Vou adorá-lo pelo que ele é e não só pela cura. Deus conhece nosso coração! Vou buscar primeiro seu reino e sua justiça e com o tempo essa cura será realizada. Sei que ele é meu Deus e sempre será e tudo está sobre o controle Dele. Só peço que me dê forças para prosseguir e me livre nos meus momentos de aflição.

        Cris, logo voltarei a comentar as mudanças e o sobrenatural Dele em minha vida. Que Deus te abençoe e continue te usando com mais pessoas como tem acontecido comigo.

        Muito obrigado por ter me respondido!

  15. Artur Amado

    Ola Cris!
    Quanto tempo? Da minha parte só saudades de partilhar ideias contigo.
    Ao ler a tua resposta a irmã Jacqueline fiquei com o coração derretido, quase sem forças, pois no mês de Março perdi minha irmã pelo mesma situação em que encontrava o seu amigo Tadeu. Não posso deixar de pensar que falei pra ela que esta talvez fosse a vontade de Deus. Me sinto muito triste, porque só depois de dois meses pude perceber que Deus não criou o homem para a morte. Ela (morte) é um elemento estranho a criação. Sabes as razões dos homens deixarem de confiar plenamente na palavra de Deus?
    Deixaram de colocar em primeiro lugar a bíblia. Como confiar naquilo que a bíblia diz se primeiro eu acredito naquilo que os homens dizem? Penso que devemos estudar a palavra de Deus com ânsia de aprender ou reaprender as lições nela contidas, pois só assim aprenderemos a confiar somente em Deus e não nos homens. Obrigado por nos colocar um tema esquecido como este.

  16. Jacqueline

    Então, se um cristão morre com 20 anos, a familia, amigos, não pediram com fé e crendo naquilo?
    Meu noivo faleceu com essa idade, a dois meses em um acidente de moto, eu estava junto, ele morreu no hospital.
    No caso aquilo foi Satanás, e eu não orei com fé, fui incrédula? Não fiz o suficiente, pois ao contrário, ele teria sobrevivido?

    • Evangelho Perdido

      Cara Jacqueline, graça e paz!
      Ao mostrar na Palavra que Deus quer ser glorificado na trajetória dos santos poderosamente com VIDA e não com MORTE, este fato não alcança automaticamente todas as pessoas, pois cada caso é um caso. Como eu não conheci seu noivo, ainda menos tenho condições de responder a pergunta se vocês oraram com fé ou não para que ele levantasse daquela cama de hospital totalmente restabelecido, entende?

      O que posso afirmar, com todo meu coração e humildade pra você, é que não vemos a Igreja “virando o mundo de cabeça para baixo”, fazendo milagres onde pisa. Você e eu, provavelmente, já vimos ou soubemos de pessoas que foram curadas milagrosamente, mas isso não é a REGRA como deveria ser, mas uma triste exceção. E isso acontece porque até clamamos pela cura de pessoas, mas, por não conhecermos de fato o que a Palavra diz sobre isso, oramos sempre com dúvidas. Tipo assim.. “tantos morrem, porque o fulano seria curado só porque eu orei?”.. ou.. “Senhor, se for da sua vontade, cura fulano”.. ESSA É A VONTADE DE DEUS SEMPRE. SEU FILHO LEVOU SOBRE O MADEIRO NOSSOS PECADOS E NOSSAS ENFERMIDADES. Temos uma missão e a igreja está sem a sua arma mais poderosa: A FÉ NA PALAVRA, pois não conhece a Palavra. A fé vem pelo ouvir a PALAVRA.

      “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (João 8:32)
      “A fé vem pelo ouvir […] a palavra de Deus.” (Romanos 10:17)
      “O meu povo está sendo destruído porque lhe falta o conhecicimento…” (Oséias 4:6a)
      “Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus.” (Mateus 22:29)

      Jac, os apóstolos ressuscitavam pessoas, curavam, expulsavam demônios, em todas as cidades que eles entravam. TODAS. Entende isso? Não vemos isso mais porque nossa geração ouve dos púlpitos os líderes afirmando com toda firmeza, que a cura era APENAS para o tempo de Jesus e não para hoje. E acreditamos nisso, respiramos isso, oramos com isso no subconsciente. E, portanto, não recebemos porque pedimos mal. Não recebemos porque nos ensinaram que nem todos Deus quer curar. Entende isso? O normal de nossa caminhada neste mundo, como Igreja, não seria vocês orarem apenas pelo restabelecimento do seu noivo e ele ficar curado, mas vocês irem em todos os quartos e esvaziarem o hospital. Era assim que acontecia com os apóstolos. TODOS ERAM CURADOS. Consegue imaginar essa cena? Não, né? Não consegue por que não vemos isso em nossos dias. A igreja não acredita que isso PODE SER ASSIM!

      A morte e as enfermidades entram no mundo por causa do pecado. A morte é uma INIMIGA (e será a última a ser vencida, segundo a Palavra, com a ressurreição). E o MATADOR é Satanás. Jesus deixou o exemplo de como é DESFAZER as obras do diabo. Ele mostrou. Os discípulos aprenderam e o imitaram, com todo poder. A missão que eles receberam de Cristo é também a nossa hoje. Cristo não mudou. Mas a Igreja mudou ao longo dos séculos. Mas estamos no tempo da restauração de TODAS as coisas, pois Cristo está às portas.

      Quando olhamos para a Palavra, está claro que temos uma ordem direta de Jesus: curar enfermos, expulsar demônios, ressuscitar os mortos, pregar que o reino de Deus está próximo e fazer discípulos. Essa é a base da ação da IGREJA na terra mas ficou encoberto esse entendimento em meio a alguns outros, como mostro no blog. Somos a luz e o sal do mundo. Mas o mundo está em TREVAS e INSÍPIDO.

      Olha pra mim.. com certeza esse assunto é muito delicado. Enxergar essa verdade na Palavra, vai ter significado diferente para cada um. Para os que estão no momento muito doentes, receber essa verdade no coração com certeza pode ser motivo de glória, pois muitos terão não só o físico restaurado, mas o coração completamente avivado na presença do Altíssimo. Mas, para os que já perderam alguém, como você, a sensação será de frustração, tristeza, etc.. até de raiva.

      Mas isso não pode nos impedir de caminhar na perspectiva correta, caminhar na vontade de Deus para nós como Igreja.

      Também perdi o meu pai há 2 meses. Entrou no hospital para fazer uma cirurgia tranquila e a cirurgia foi um sucesso. Mas, ele pegou uma infecção que rapidamente se tornou generalizada e o perdemos. Um homem forte, lindo, divertido, homem de Deus.. Se foi. Ontem, por exemplo, chorei muito pensando que, na época da morte dele, eu ainda não tinha enxergado essa verdade poderosa na Palavra e todas as minhas orações e de toda minha família foi como eu descrevi acima, sem CONVICÇÃO. Quando oramos na Palavra, Jac, nossa oração é ousada, entrépida, cheia de fé. E isso move montanhas.

      Mas já estou exercitando esse novo entendimento e toda minha família está meditando nessa verdade também. Ontem, nos reunimos aqui em casa para orar por um querido amigo que está em fase TERMINAL por causa de um câncer, internado em um hospital de São Paulo. Antes de começarmos a orar por ele, meditamos juntos nestes artigos que postei. Conversei com eles, lemos os textos sobre a questão.. e choramos juntos, lembrando de tantas pessoas que estão na mesma situação que o Tadeu. Aí, ao recebermos essa verdade JUNTOS, oramos pelo Tadeu como NUNCA oramos por ninguém. Oramos na Palavra. Confiando em cada texto. Recebendo aquilo……………………….. Aí, qual foi o resultado? Hoje, a esposa do Tadeu ligou sem conter a alegria, pois o médico fez exames hoje e ficou surpreso, pois o Tadeu está com os exames tão bons, que vai receber alta amanhã. E só vai sair amanhã, porque o médico quer fazer mais exames, pois acha que pode haver erro. Senão ele já estaria em casa hoje. Glória a Deus! Não houve erro NENHUM. O Tadeu vai voltar para casa e retomar a sua vida, com sua esposa e suas filhas. Simples assim.

      Nossa perda, Jac, não pode nos paralisar e deixarmos de olhar para frente. Multidões estão gemendo porque os SANTOS perderam essa verdade ao longo dos séculos e ela não chegou até nós. MAS ESTÁ VOLTANDO PARA NOSSO CORAÇÃO. Estude mais. Continue buscando. Se você chegou até aqui e leu esses artigos sobre a CURA, é porque há propósito nisso.

      O mundo está em trevas, dor, sofrimento.. Quando os santos acordarem, o mundo será virado de cabeça para baixo novamente. O mundo ainda NÃO viu o que Deus pode fazer COM, POR e ATRAVÉS de uma pessoa TOTALMENTE consagrada a Ele. Eu quero ser usada para IMPLANTAR o Reino. Que Deus a conduza para o mesmo.

      Antes de encerrar, quero deixar muito claro que uma caminhada poderosa e cheia de orações respondidas e manifestação do poder de Deus, só ocorrerá na vida dos que, de fato, andarem em santidade na presença de Dele. Ocorrerá na vida do que realmente conhecem o Pai e Filho, em intimidade. Ocorrerá na vida daqueles que querem, de fato, cumprir a Palavra, em tudo. Viver a Palavra. Obedecê-la. Essa verdade será restaurada no coração dos santos comprometidos e não daqueles que apenas frequentam uma igreja, assistem cultos, lideram algum ministério, etc. Quem tiver ouvidos para ouvir, OUVIRÁ!

      LEIA OS TEXTOS ABAIXO, MEDITANDO COM CALMA, UM POR UM:

      “Verdadeiramente Ele tomou sobre Si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre Si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas Ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas Suas pisaduras fomos sarados” (Isaías 53:4,5).

      “Tendo chamado os seus doze discípulos, deu-lhes Jesus autoridade sobre espíritos imundos para os expelir e para curar toda sorte de doenças e enfermidades. A estes doze enviou Jesus, dando-lhes as seguintes instruções: …a medida que seguirdes, pregai que está próximo o reino de Deus. Curai enfermos, ressuscitai mortos, purificai leprosos, expeli demônios; de graça recebestes, de graça dai.” (Mateus 10:1,5,7,8)

      “Depois disto, o Senhor designou outros setenta; e os enviou de dois em dois, para que o precedessem em cada cidade e lugar aonde ele estava para ir. Quando entrardes numa cidade e ali vos receberem, comei do que vos for oferecido. Curai os enfermos que nela houver e anunciai-lhes: a vocês está próximo o reino de Deus. (Lucas 10:1,8,9)

      “Se vós permanecerdes em minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos.” (João 8:31)

      “E pela fé em seu nome fez o seu nome fortalecer a este homem que vedes e conheceis; sim, a fé, que vem por Ele, deu a este, na presença de todos vós, esta perfeita saúde” (Atos 3:16).

      “Muitos sinais e prodígios eram feitos entre o povo pelas mãos dos apóstolos.” (Atos 5:12a)

      “Estevão, cheio de graça e poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo.” (Atos 6:8)

      “As multidões atendiam, unânimes, às coisas que Felipe dizia, ouvindo-as e vendo os sinais que ele operava. Os espíritos imundos de muitos possessos saíam gritando em alta voz; e muitos paralíticos e coxos foram curados. E foi grande a alegria naquela cidade.”(Atos 8:6-8)

      “Disse-lhe Pedro: Enéias, Jesus Cristo te cura! Levanta-te e arruma o teu leito. Ele, imediatamente, se levantou.” (Atos 9:34)

      “Pedro, porém, lhe disse: Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho, isso eu te dou: em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta e anda! E, tomando-o pela mão direita, o levantou; imediatamente, os seus pés e tornozelos se firmaram;” (Atos 3:6-7)

      “Entretanto, demoraram-se ali muito tempo, falando ousadamente no Senhor, o qual confirmava a palavra da sua graça, concedendo que, por mãos deles, se fizessem sinais e prodígios.” (Atos 14:3)

      “Esse homem ouviu Paulo falar, que, fixando nele os olhos e vendo que possuía fé para ser curado, disse-lhe em alta voz: Apruma-te direito sobre teus pés! Ele deu um salto e começou a andar.” (Atos 14:9-10)

      “E Deus, pelas mãos de Paulo, fazia milagres extraordinários, a ponto de levarem aos enfermos lenços e aventais do seu uso pessoal, diante dos quais as enfermidades fugiam das suas vítimas, e os espíritos malignos se retiravam.” (Atos 19:11-12)

      “Como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação? A qual, tendo sido anunciada inicialmente pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram; dando Deus testemunho juntamente com eles, por sinais, prodígios e vários milagres.” (Hebreus 2:3-4)

      “Indo ao mundo inteiro, proclamem o evangelho a toda criatura. Estes sinais hão de acompanhar aqueles que crêem: em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas; pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre enfermos, eles ficarão curados.” (Marcos 16:15,17,18)

      “Aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço e outras maiores fará, porque eu vou para junto do Pai.” (João 14:12)

      “Se me pedirdes alguma coisa em meu nome eu o farei.” (João 14:14)

      Me desculpe por fazer seu coração doer, viu? Sinto muito. Mas peço a Deus que essa verdade mude a sua história e de muitas pessoas através de você.

      Um abraço carinhoso.

      Cris

      • Luciana

        A paz do senhor, Cris!
        Eu perdi minha filha. Ela foi ao médico com bronquiolite, depois deu pneumonia e logo uma grave bactéria. Nós oramos muito. Pessoas do Rio e fora do Rio. Minha filha foi internada na segunda e na quinta faleceu. Será que Deus não tem tudo anotado, a hora e o dia da nossa partida? Satanás tem poder sobre a morte? O que aconteceu com minha bebê? Virou anjo?

        Me explique, por favor. Ore por mim pois eu sinto muita saudade dela. Sou da assembléia de Deus e creio no Deus de poder, o mesmo do passado. Obrigada. Fica na paz.

        • Evangelho Perdido

          Olá, querida! Lamento demais pela sua perda, viu? Que nosso Pai console o seu coração nos detalhes.. Em todos os detalhes. Que Ele te segure firme em Suas mãos e alivie essa dor de um jeito que só Ele pode.

          Eu acredito que Deus tem os dias “anotados”, sim, como vc perguntou. Veja o texto: “Servireis a Jeová vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e do meio de vós afastarei as enfermidades. Na tua terra não haverá mulher que aborte, nem estéril; completarei o número dos teus dias.” (Êxodo 23.25,26)… Todos nós iremos morrer. A morte será o último inimigo a ser vencido. A intenção de Deus é “Completar o número dos nossos dias”, que nada mais é do que morrer no tempo determinado por Deus e não antes. Satanás quer nos matar e tenta isso a tempo e fora de tempo.

          Não tenho todas as respostas, Lu. Mas creio que, se seu coração está FIRMADO no Pai Eterno e somente Nele vc espera, sua filhinha “dormiu” no tempo determinado para ela.

          Se você ainda não leu, gostaria que você fizesse isso agora clicando no link abaixo. Veja o último artigo que postei sobre a CURA. Se vc já leu, leia novamente. Absorva aquelas palavras e deixa o Pai falar contigo, querida. Desejo que vc não se desvie nem pra direita, nem para esquerda. Dependa apenas e sempre do nosso Poderoso Pai Eterno.

          http://www.evangelhoperdido.com.br/mas-e-quando-minha-fe-nao-cura/

          Um abraço carinhoso.

          Cris

  17. italla

    Que estudo abençoado,muito bom para refletirmos, que DEUS continue a iluminar você, para que possa sempre postar estudos como este.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *